Especial: “Pílulas de Conhecimento 2’’. O caminho da Consciência

Especial: “Pílulas de Conhecimento 2’’. O caminho da Consciência

Especial: “Pílulas de Conhecimento 2’’. O caminho da Consciência

A edição especial: “Pílulas de Conhecimento – parte 2”, aborda um dos temas mais cruciais para nossa evolução espiritual e emocional: a Consciência

A aventura de autoconhecer-se nos possibilita ampliar a percepção da nossa existência, trazendo reais propósitos às nossas relações e quereres essenciais e, assim, a qualidade em viver a vida em sua plenitude é conquista e vivenciada. 

À medida que vamos trazendo mais percepção e conhecimento em nossas vidas, podemos desenvolver uma consciência ampliada sobre a arte de viver, aprofundando os propósitos, aprendizados e valores primordiais, além de evoluir a qualidade dos relacionamentos. 

Vamos seguir nesta jornada do autoconhecimento, resgatando trechos dos 5 artigos mais bem posicionados no ranking de pesquisas: sobre a consciência e sua importância para o nosso bem-viver.

Boa leitura! 

A Consciência da Inconsciência... Vamos desenvolver? 

A Consciência da Inconsciência…
Vamos desenvolver?

A qualidade da atenção é uma chave fundamental para o desenvolvimento da consciência, de momento a momento, de inspiração a expiração. 

Estar consciente é: 

  • Ser o seu próprio observador, sem julgamentos e/ou conclusões; 
  • Estar presente – no agora – de momento a momento; 
  • Estar atento aos pensamentos e emoções e perceber o quanto, muitas vezes, são reativos e condicionados e como podemos melhorar a relação com eles; 
  • Trazer qualidade de atenção à ação e entender quais os propósitos por trás da ação; 
  • Perceber os sinais que o corpo emite (inconsciente) e também as sensações e emoções que estão circulando; 
  • Olhar para dentro de si (seu SER) e perceber o tipo de frequência que está carregando.

Leia este artigo na íntegra: Consciência

A Sabedoria da Impermanência

Tudo é impermanente!
E o que nos causa desconforto é a não aceitação disso 

A possibilidade de saber desfrutar a impermanência, nos convida a ver a vida como uma aventura, como um movimento contínuo de ciclos incessantes, um campo de infinitas possibilidades. 

As mudanças externas são os relacionamentos, trabalho, sociedade, política, economia, etc. Já as internas são os pensamentos, emoções, sensações, sonhos, valores, propósitos.  

E isso tudo implicará em desapegar de querer permanecer no controle… 

Vivemos, na maioria das vezes, com grandes expectativas baseadas em crenças limitantes e ideais do que é a felicidade, do que é bom ou ruim para nós, e assim, buscamos ter o controle das situações e quando a vida nos mostra que nada é controlável e que a permanência não existe, sofremos. 

Não sofremos por causa da impermanência, sofremos por querer manter a permanência das coisas…

Leia este artigo na íntegra: A Sabedoria da Impermanência

Aceitação: o caminho para uma vida que flui...

ACEITAÇÃO: O CAMINHO PARA UMA VIDA QUE FLUI…

A Aceitação é uma das leis espirituais que mais nos conduzem ao caminho da plenitude, serenidade e compaixão. É um grande portal para a conexão e vivência profunda de amor e paz.  

Nossa autoaceitação começa sempre na relação intima com a gente. Se não nos aceitarmos como somos, não temos condições de aceitar o outro como ele é, e será impossível desenvolver a capacidade verdadeira de amar e ser amado. 

É um grande desgaste energético ficar lamentando ou reclamando de como o passado poderia ser diferente ou de como suas relações poderiam ter sido diferentes, ou o que aconteceu não deveria ter acontecido.  

Inevitavelmente, com este padrão de pensamento, caímos nas culpas e mágoas, seja do outro em relação a você ou vice-versa.  

Quando vibramos culpa, não nos permitimos viver plenamente e desfrutar a vida.

Para compreender o processo de aceitação e, assim, receber cada vez mais abundância do universo é preciso desenvolver uma prática constante de autocompaixão e autoperdão 

As melhores ferramentas para desenvolver a clareza sobre os conceitos explicados nesse texto é conhecendo e praticando Autoconhecimento e Meditação. 

Leia este artigo na íntegra: Aceitação: o caminho para uma vida que flui…

Desapego do Apego

DESAPEGO DO APEGO

Quais os tipos de apegos que você mantém na sua vida? 

O apego ao controle mata o sentido, a vida e a naturalidade das coisas. Pois na vida, todo movimento é necessário, e enquanto ficamos apegados às certas ilusões com medo de sofrer ou com ânsia do prazer, a vida já está acontecendo… 

O tempo passa e não para… 

A ilusão é nociva, pois cria expectativas e necessidades que não existem. Se nos deixamos levar por ela, podemos ao longo do tempo, cair em um abismo cheio de dor, desconstrução e sofrimento, causados por nós mesmos. 

Respire profundamente e permita-se o ‘sentir’ e responda honestamente: 

  • Para que você precisa de tanto controle? 
  • O que realmente importa na sua vida para que realmente mantenha a permanência? 
  • Qual o sentido de sustentar estas ilusões? O que você ganha com isso? 
  • Quais são as suas maiores crenças limitantes? 
  • Quais são os seus medos? Eles são reais?

O apego ao velho e conhecido e o medo do novo e desconhecido…

Acompanhe o artigo na íntegra: Desapego do Apego

Liberdade e livre-arbítrio

LIBERDADE E LIVRE-ARBÍTRIO 

Dentro da estrutura das leis que gravitam sobre a Consciência do indivíduo, a liberdade humana é a mais preciosa conquista 

A liberdade se diferencia do livre-arbítrio pelo fato de que, enquanto a primeira tem sua expressão no mundo externo (ações, expressões, experiências), o livre-arbítrio é uma faculdade que vem de uma consciência interna a partir do autoconhecimento, discernimento e clareza vindos do Ser. 

Mesmo privados de liberdade, nós podemos exercitar o caminho do livre-arbítrio através da autorresponsabilidade. 

A consciência do homem não é algo determinado, mas, ao contrário, faz-se na materialização das escolhas. A consciência do homem é refletida nas suas escolhas. 

A permissão interna para viver o desconhecido, o não controlável, o incerto e, assim, se surpreender diariamente com a vida como ela é, é um grande caminho para a libertação! 

Acesse o artigo na íntegra: Liberdade e livre-arbítrio

Leave a Reply

Your email address will not be published.

um × três =

pt Portuguese
X